outubro 27, 2008

Milhares de e-mails dos funcionários das Finanças analisados pela IGF

… com o objectivo de identificar fugas de informação para os órgãos de comunicação social.

 

Mas o fantástico desta notícia foi a conclusão a que se chegou:

"Depois da leitura dos milhares de e-mails, o processo acabaria por ser arquivado por nenhuma das mensagens indiciar o uso indevido de informação interna."

 

Mas estas cabeças pensantes estavam à espera que um funcionário das Finanças passaria informação por mail?

Ou melhor ainda, usando um e-mail das próprias Finanças?

 

Acho muito bem que sejam feitas estas auditorias, mas parece-me um bocadinho exagerado a importância que se deu ao assunto e mais ainda se tinham grandes expectativas no que iriam encontrar, é que um funcionário das Finanças também sabe pensar e precaver-se de males futuros, ou não?

 

Agora que se perdeu tempo a ler "milhares" de mails, isso perdeu, e que esse tempo podia ser usado para coisas mais úteis, ai isso também podia.

2 comentários:

bono_poetry disse...

...hum...posso dizer-te um segredinho?aqui nao da...esta atenta ao rebentar das ondas ....em breve veras uma garrafa dirigida a ti...hum...achas que alguem vai ler antes de ti?pois com tanta evolucao e tecnologia so mesmo de uma forma pouco ortodoxa se consegue fazer espionagem neste e naquele mundo!!!

Anonimo disse...

bolas quem é deixou escapar esta informação ????????
Eu sempre disse que aquele pombo-correio tinha um ar suspeito.