março 20, 2009

Ainda não engoli

Que o Papa ao visitar países em dificuldades REAIS se preocupasse em falar no preservativo, o mal da igreja, e o culpado de toda a desgraça.

Até parece que naquele pais e noutros que ele agora vai andar a visitar não existe fome, pobreza, sede, doenças …
Não, nada disso, o que interessa é ir dizer mal do preservativo.

Porque será que aquela cabeça pensante não se preocupou antes em ajudar com bens materiais já que nada neles?
Será que se não usarem preservativo vão ter todos os dias comer na mesa (primeiro passam a ter mesa e pratos) e a todas as refeições?
Não lhes vai faltar água?
Vão ter medicamentos para tratar uma simples gripe ou unha encravada?

Ah… lembrei-me agora, o Papa está à espera que Deus trate de tudo porque ele anda muito ocupado a comprar sapatinhos de verniz e a comer saladinhas.

2 comentários:

C NARCISO disse...

Efectivamente a Igreja Católica continua "irreal"!
Que moral têm aqueles que vivem na opulência ao dizerem: ajudai o próximo.
O bom da religião é que só a segue quem quer- (por enquanto).

A Menina do Regador de Sonhos disse...

Embora tenha a minha Fé, acredito piamente que a Igreja parou no tempo....


Beijinhos