agosto 29, 2007

Não é normal!

Ouvi uma conversa no meu local de trabalho que me deixou … banzada!
Esta sociedade está mesmo em apuros.
Mas passando à situação em causa.

Local: Junto a uma daquelas máquinas de água (com o garrafão de pernas para o ar).
Nota: A máquina disponibiliza dois botões: água natural e água fria.

Acção: Estava uma menina, na sua santa paz, a encher um copo de água carregando no botão de “água natural”, quando um colega dela muito “solícito” e acelerado lhe disse:

“carrega nos dois ao mesmo tempo, a água sai mais depressa!”

Isto é normal? Não é, pois não? Nem no mundo da consultoria me parece que isto seja uma conversa razoável, desculpem lá.

Então mas uma pessoa não pode escolher se quer água fria ou natural? Tem que escolher “por ai” para que a água saia (se é que sai) mais rápido um “cagajésimo” de segundo e desculpem o termo, mas só me apetece falar mal.

Por favor, vamos ser razoáveis ou então tirem-me deste filme que eu estou cá a mais.

Desta vez consegui muito a custo não interferir apesar de me ter revoltado que a menina em questão não tivesse dado uma resposta à altura da sugestão do colega, mas não sei se para a próxima que ouvir uma barbaridade destas vou conseguir conter-me.

Cada dia que passa me digo mais vezes:
aproveita a vida e ignora os “pobrezinhos de espírito”,
aproveita a vida e ignora os “pobrezinhos de espírito”,
aproveita a vida, e ignora os “pobrezinhos de espírito”…

4 comentários:

liliana_lourenco disse...

:) olha que realmente...
**

Noir Infini disse...

É uma pena n ter o teu email, gostaria de falar ctg.
Já alguma vez alguem te disse que tens um enorme mau feitio?
Não tou a dizer que és má pessoa, mas olha que assim, nunca vais ser muito feliz.
EU gosto mto do teu blog, mas acho que levas as coisas demasiado a serio. Tenta evitar ficares tão furiosa

Filipa disse...

E depois ainda ens que contar até 10, não???

Bjs
Fi

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

ehehehe delirei com este post. Já assisti a uma conversa idêntica mesmo em frente a esses garrafões de pernas para o ar...delirante.
beijo